Vila Santista desencanta, vence Oz Nada e promete brigar pelo título da Copa Integração

Vila Santista Futebol Clube (Fotos: Richard Durante Jr)

O Vila Santista conseguiu a primeira vitória na Copa Integração de Futsal ao derrotar o Oz Nada por 5 a 0, na noite desta terça-feira, (04), no ginásio CFT Barata/Jabaquara, em Santos. As duas equipes vinham de tropeços na estreia. O Vila Santista havia empatado com o São Paulo, enquanto o Oz Nada vinha de derrota para o Vahia de Abreu.

A partida

O Vila Santista entrou em quadra disposto a mostrar porque é considerado por muitos como um dos fortes candidatos ao título da competição. Desde o início a equipe foi pra cima do Oz Nada e assim, não demorou para a equipe abrir o placar.

Aos 01’22 o craque Edmílson rolou a bola para Dé pela direita e de primeira ele cruzou para Coruja na área finalizar com muita precisão, sem chances de defesa para Cichello, explodindo a torcida que lotou a sua parte do ginásio.

O Oz Nada tentou a resposta, Gabirú enfiou a bola para Tiago Nascimento pela direita e ele conseguiu um ótimo chute cruzado que só não entrou porque Mão estava ligado no lance e fez ótima defesa.

O lado esquerdo do Vila Santista era onde saiam as melhores jogadas com Coruja, que com velocidade passava fácil pela marcação. Em mais uma jogada por alí, ele deixou Felipe Vaz para trás e finalizou com um chute forte, Cichello saiu bem do gol e conseguiu tirar o ângulo do jogador do Vila Santista, fazendo boa defesa.

Felipe Vaz era o melhor jogador do Oz Nada na partida, corria toda a quadra e mostrava muita raça. Em um lance individual ele saiu da própria quadra com a bola dominada passou o meio da quadra e arriscou um chute forte de longe, o goleiro Mão com a ponta dos dedos conseguiu desviar para cima do gol, um lance de muito perigo.

A primeira etapa do jogo foi de muita catimba das duas equipes, quase sempre as jogadas terminavam em reclamação aos árbitros. As duas equipes a todo momento pediam cartões para os adversários e assim, o jogo quase não andou.

Mesmo assim, aos 17’40, o Vila Santista conseguiu ampliar o placar. Dé, com muita velocidade arrancou em um contra ataque pela direita e deu um passe com açúcar para Felipe Ferrari de frente pro gol finalizar na saída de Cichello e colocar no fundo da rede para fazer 2 a 0.

Na segunda etapa, o jogo seguiu da mesma forma, era o Vila Santista trocando passes e procurando espaços na defesa do Oz Nada, e o time treinado por Evandro Peres querendo encaixar os contra ataques, até aquele momento sem sucesso.

Dé conseguiu tabelar com Israel que estava pela esquerda e já na área chutou forte, a bola bateu na trave direita do goleiro Cícero que substituiu Cichello e saiu para sorte do Oz Nada.

Em mais uma jogada do Vila Santista, passe de pé em pé tudo de primeira, Edmílson para Pitoco na direita e ele para Israel de frente pro gol chutar a esquerda do gol de Cícero, perdendo um gol que ele não costuma desperdiçar.

Mas logo em seguida saiu o terceiro gol da equipe do Canal 6. Edmílson com um passe mágico de chaleira para Israel pela esquerda que viu Dé no fundo e tocou, aí mesmo sem ângulo prevaleceu a categoria de Dé para chutar e estufar a rede do Oz Nada para fazer 3 a 0 e dificultar ainda mais a vida do adversário.

O Oz Nada passou a jogar com Matheus Oliveira como goleiro linha para tentar pressionar o Vila Santista e assim conseguir o primeiro gol. E o time até teve uma boa chance em passe de Felipe Vaz para Babu chutar de longe, a bola acabou desviando no caminho e saiu.

Pela esquerda do ataque, Coruja se livrou de Babu e tocou para Israel que devolveu de primeira e ele finalizou mas a bola acabou passando por cima do gol de Cícero, mais uma boa jogada do Vila Santista.

Aos 15’30 um lance de muita infelicidade, o jogador do Oz Nada, Mussum que havia acabado de entrar foi disputar uma bola e acabou caindo feio no lance, ficando por alguns minutos estirado na quadra com dor no ombro e acabou saindo com uma proteção.

E em um lance bobo do Oz Nada, o time acabou dando de graça o quarto gol para o Vila Santista. Gabirú deixou a bola escapar e Théo tocou para Felipe Ferrari finalizar rasteiro da própria quadra para o gol vazio do Oz Nada que estava com goleiro linha, 4 a 0.

Nos últimos segundos da partida, ainda deu tempo do Vila Santista passar a régua em um contra ataque puxado pelo jovem Rodrigo Rogatto, ele tocou para Giovanni pela esquerda que cruzou, Rodrigo Rogatto na área fez o corta luz e Théo na segunda trave livre de marcação só completou pro gol pra fazer 5 a 0 e finalizar a primeira vitória do Vila Santista na competição, com uma atuação convincente. E o Oz Nada terá que reagir rápido para buscar a classificação para a próxima fase.


FICHA TÉCNICA

VILA SANTISTA F.C. 5 X 0 OZ NADA F.C.

Competição: Copa Integração de Futsal
Jogo: Primeira fase
Categoria: Principal
Data: Terça-feira, 4 de julho
Local: Ginásio CFT Barata/Jabaquara, em Santos
Árbitros: Luiz Campos e João Chorão
Gols: VILA SANTISTA: Felipe Ferrari (2), Coruja, Dé e Théo.

VILA SANTISTA – Mão, Manga, Giovanni, Pitoco, Israel, Dé, Edmílson, Rodrigo Rogatto, Coruja, Théo, Felipe Ferrari e Nenê.
Técnico: Marcel

OZ NADA – Cichello, Cícero, Gabirú, Felipe Vaz, Tiago Nascimento, Andrade, Matheus Oliveira, Babu, Jonathan, Rogério, Diogo, Gui Pesquero, Wesley e Nick ‘Show’.
Técnico: Evandro Peres

Oz Nada Futebol Clube