Com melhor do mundo em quadra, Rinaldi vence Nova União e segue 100% na Copa Integração

A Rinaldi derrotou um de seus maiores rivais, o Nova União por 7 a 2, na noite desta segunda-feira, (03), no ginásio Dondinho, em São Vicente e alcançou a segunda em dois jogos na Copa Integração de Futsal. De quebra, ainda tirou a invencibilidade do Nova União, que vinha de duas vitórias.

O destaque da partida foi a estreia de Adriano Foglia, na Rinaldi. O brasileiro naturalizado italiano foi eleito melhor jogador de futsal do mundo no ano de 2003, quando foi campeão do Campeonato Europeu de Seleções e no ano seguinte levou a Itália ao vice campeonato mundial. No Brasil, Foglia conquistou a Liga Nacional com o Sorocaba, marcando inclusive o gol do título na final.

A partida

O jogo começou muito bom, com as duas equipes buscando o ataque e arriscando chutes para testar os goleiros Bussunda, da Rinaldi e Rafael Mota, do Nova União. Mas no primeiro chute perigoso, Foglia mostrou porque é diferenciado, Clebão conseguiu um desarme no meio da quadra e tocou para Foglia pela esquerda, mesmo marcado ele encontrou espaço e chutou forte e alto, no único lugar que a bola poderia entrar, sem chances para Rafael Mota, 1 a 0 Rinaldi para alegria da Torcida Los Águias.

O Nova União também teve boa chance de marcar seu primeiro gol, Pedrinho arriscou um chute de longe que passou por cima do gol de Bussunda levando muito perigo.

Em seguida, Foglia tabelou com Gabriel Augusto e ficou cara a cara com o goleiro Rafael Mota, ele tentou tirar demais do goleiro e a bola passou a esquerda do gol, para sorte do Nova União.

Em seguida, ataque do Nova União a Renan Pizzo enfiou linda bola para seu irmão Daniel Pizzo na área finalizar, mas Bussunda saiu muito bem do gol e fechou o ângulo, fazendo a defesa. Logo depois, Daniel Pizzo no pivô conseguiu girar pra cima Marquinhos Yamauti e chutou forte, Bussunda fez defesa e evitou o empate.

O Nova União queria de qualquer jeito o primeiro gol, até o goleiro Rafael Mota arriscou um chute do meio da quadra que Bussunda desviou e a bola ainda raspou a sua trave esquerda e saiu, por muito pouco não empatando a partida.

Gabriel Augusto também entrou muito bem no jogo e conseguiu um ótimo passe para Terry chutar forte pela direita do ataque, a bola passou a esquerda do gol com muito perigo, levantando a torcida da Rinaldi que não parou um minuto sequer, levando três grandes bandeiras e uma faixa para empurrar o time.

E aos 17’05 a Rinaldi ampliou o placar após Foglia desarmar Pedrinho a bola sobrou para Gabriel Augusto que invadiu a área e na saída de Rafael Mota chutou cruzado para colocar no fundo da rede e fazer 2 a 0 em cima do Nova União.

No final do primeiro tempo, quase o empate do Nova União em grande jogada de Canindé que passou pela marcação de dois jogadores da Rinaldi e só não conseguiu concluir a jogada porque Bussunda saiu com precisão e conseguiu fazer a defesa.

Na segunda etapa, o Nova União voltou com tudo e conseguiu descontar após Luquinhas cobrar falta para Canindé livre pela direita finalizar de primeira e fazer o primeiro gol do Nova União.

E aos 05’45, o goleiro Bussunda derrubou Diogo na área e o árbitro marcou pênalti. Luquinhas foi para a cobrança e bateu forte no canto direito, deslocando Bussunda que foi para o outro lado, era o empate do Nova União para botar fogo no clássico.

Foglia que ficou alguns minutos descansando voltou ao jogo e já conseguiu uma linda assistência para Clebão pela direita finalizar e só não marcou porque Rafael Mota saiu muito bem do gol e fez uma grande defesa.

O jogo era lá e cá, o Nova União respondeu após Betinho tabelar com Luquinhas e tocar para Diogo livre de marcação ele chutou forte, mas Bussunda fez uma defesa espetacular e evitou que o Nova União virasse a partida.

A Rinaldi teve outra boa chance e mais uma vez com Foglia, ele partiu em um contra ataque pela direita e chutou forte, a bola passou na frente do gol e saiu a direita do gol de Rafael Mota levando muito perigo.

Até que Foglia conseguiu mais um passe magistral, dessa vez para Terry livre de marcação no ataque driblar o goleiro Rafael Mota e tocar para o fundo das redes, 3 a 2 Rinaldi e explosão na torcida que fazia muita festa.

O gol animou a Rinaldi que logo em seguida ampliou co Foglia tocando para Marquinhos Yamauti e ele com visão de jogo viu a chegada de Terry e tocou para o companheiro só completar para as redes e fazer 4 a 2.

O Nova União continuava criando boas chances de gol, como a bola de Pedrinho para Luquinhas que neste momento já jogava como goleiro linha e chutou forte mas Bussunda fez outra defesaça e fazia diferença na partida.

E para piorar as coisas para o lado azul e amarelo, a Rinaldi em um contra ataque puxado por Terry tocou para Gabriel Augusto na entrada da área finalizar rasteiro sem chances para Rafael Mota, era o quinto gol da equipe do Macuco.

Este gol praticamente acabou com as chances do Nova União, que ficou desestabilizado e ainda viu a Rinaldi fazer mais duas vezes já no final do jogo. O sexto gol saiu em jogada que começou com o Gabriel Augusto pela direita e ele cruzou para na entrada da área para Marcio Brito chutar alto e fazer um bonito gol.

E a vitória foi selada após Terry conseguir interceptar uma troca de passes no ataque do Nova União que estava com goleiro linha e da própria quadra mostrou precisão e colocou no fundo da rede para fazer o terceiro dele na partida e fechar a goleada em 7 a 2, a segunda vitória da Rinaldi que segue 100% na competição.

(Da esquerda para a direita, Clebão, Renan Pizzo, Foglia melhor do mundo em 2003, Daniel Pizzo e Bussunda), atletas renomados direto da Europa.


FICHA TÉCNICA

RINALDI FC 7 X 2 E.C. NOVA UNIÃO

Competição: Copa Integração de Futsal
Jogo: Primeira fase
Categoria: Principal
Data: Segunda-feira, 3 de julho
Local: Dondinho, em São Vicente
Gols: RINALDI: Terry (3), Gabriel Augusto (2), Foglia e Marcio Brito; NOVA UNIÃO: Canindé e Luquinhas.

RINALDI FC – Bussunda, Diego, Vini, Clebão, Vinicius, Marquinhos Yamauti, Terry, Foglia, Elivelton, Wellington, Helber, Marcio Brito, Gabriel Augusto e Alisson.
Técnico: Cléber

E.C. NOVA UNIÃO – Rafael Mota, Léozinho, André Piu, Diogo, Pedrinho, Betinho, Biel, Daniel Pizzo, Renan Pizzo, Lucas 96, Gui, Luquinhas, Riva, Canindé e Higor.
Técnico: Beto Pizzo

Rinaldi Futebol Clube (Fotos: Richard Durante Jr)
Esporte Clube Nova União

Fonte: Passou Por Dois