Categoria: Futsal

Em jogo eletrizante, Clube 2004 leva a melhor sobre o RB7

Eric foi o destaque com dois gols no confronto

Rafael Nunes

Ontem (19), RB7 e Clube 2004 abriram a série de jogos pelo Grupo B da Copa Lidesan de Futsal. A partida aconteceu no C.T Barata Futsal (Avenida Francisco Ferreira Canto, 300 – Caneleira, em Santos) contou com emoção do início ao fim e em noite de Eric, o 2004 ganhou por 4 a 2 em partida eletrizante.

A equipe verde e preta, que vinha de um placar elástico por 9 a 2 em sua estreia, estava em busca de emplacar mais uma vitória. Já o 2004 do camisa 10 Felipinho – autor de três gols no último jogo, mas que não foram suficientes para evitar a derrota por 5 a 4 frente ao Rinaldi F.C, buscava a reabilitação e os primeiros três pontos na competição.

As duas equipes se estudaram muito no início de jogo e aos poucos, o jogo foi ganhando contornos emocionantes, tendo lances de perigo do início ao fim, com grande destaque para as defesas do arqueiro Lucas Macedo, do RB7. Com amplo domínio e jogadas que sempre passavam pelos pés de seu camisa 10, o Clube 2004, trajado de azul, seguiu pressionando até o fim do primeiro período, porém, pecava demais nas finalizações. A chance clara de abrir o placar veio só aos 18’00 com Felipinho, que perdeu o tiro livre. Entretanto, logo em seguida, a equipe azul teve mais uma oportunidade e marcou o gol com Leandro em outra cobrança livre por volta dos 19’00. Mais ou menos 30 segundos depois, a equipe teve chance de ampliar o resultado, mas em noite inspirada, Lucas Macedo defendeu a penalidade cobrada por João Luiz.

No segundo tempo, o RB7 soube segurar a pressão do adversário e quase na metade da segunda etapa, empatou o jogo numa boa tabela que resultou no tento marcado por seu camisa 13, Eduardo. Após isso, a equipe treinada por Rafael Corrêa ganhou confiança e virou o jogo com um bonito gol de Matheus Alcântara, mas a alegria durou pouco. Na saída de bola, o Clube 2004 empatou a partida com o gol de Ítalo. As equipes seguiram fazendo um segundo tempo cheio de emoções e aos 13 minutos a partida teve mais uma virada. Em falha do sistema defensivo do RB, Eric marcou mais um na competição, deixando o time mais perto dos três pontos. Já no apagar das luzes, o camisa 11 guardou outra bola no fundo das redes, decretando o primeiro triunfo da equipe no campeonato.

O autor dos dois últimos gols afirma que a melhora do entrosamento foi determinante para o time ter saído vencedor do jogo. “Nós conseguimos acertar algumas coisas durante os treinos, nos entrosamos cada vez mais e mantivemos a calma para sairmos vitoriosos”, afirma Eric.

Já o camisa 10 do RB7, Matheus Alcântara, diz que foi um grande jogo, porém, decidido em alguns detalhes e desatenção defensiva de sua equipe. “Nós fizemos mais uma grande partida, mas nós não soubemos explorar os erros do adversário e falhamos diversas vezes na marcação. Agora, é trabalhar e revertermos essa situação já para o próximo jogo.”

Nesta terça-feira (20), a Copa Lidesan de Futsal segue com a sua programação de confrontos. Pelo Grupo A, Favela Santista e Phoenix/VP medem forças a partir das 22 horas no mesmo local. A entrada é gratuita.

Apoio: Pentágono Contabilidade – Niff Grife – PZ10 Sports.

2ª rodada do Grupo A da Copa Lidesan de Futsal tem 31 gols em três jogos.

Matheus Catira

No sábado (17) a bola rolou novamente, desta vez para a segunda rodada do Grupo A da Copa Lidesan de Futsal. Três partidas agitaram o CFT Barata/Jabaquara, no bairro da Caneleira, em Santos. E emoção não faltou nos jogos:

A.R. Metropolitano 3 x 3 São Bernardo/MSB

A partida entre Associação Recreativa Metropolitano e São Bernardo/MSB foi a primeira do dia e começou empolgante, o São Bernardo iniciou o jogo com mais domínio e presente constantemente no ataque, quando aos 5’53 o Metropolitano armou um contra-ataque e abriu o placar com Itallo Rangel. O São Bernardo não se abalou e três minutos depois empatou com Kaio Lopes.

A partir daí o confronto ficou mais equilibrado, com chances para ambos os lados, foi então que num lance o árbitro enxergou um toque no braço de Alisson Garcia, do São Bernardo, como a equipe já havia ultrapassado o limite de faltas, foi marcado tiro livre direto. Foi aí que Felipe, camisa 10 do Metropolitano, chamou a responsabilidade e cobrou, sem chance para o goleiro Thiago, colocando o Metropolitano novamente na frente do marcador.

No segundo tempo o equilíbrio se manteve, porém, aos 5’00 depois de uma saída errada do São Bernardo, Itallo Rangel puxou o contra-ataque e cruzou para Felipe marcar seu segundo gol na partida, o terceiro do Metropolitano, deixando assim a equipe mais tranquila no jogo. O São Bernardo então não teve outra escolha e se lançou ao ataque, até que num carrinho feito por Witinho, a bola bateu em seu braço dentro da área, o árbitro não titubeou e marcou o pênalti, e na penalidade batida por Kaio Lopes o goleiro Paulo Mendes fez uma grande defesa.

Entretanto, dois minutos depois o São Bernardo diminuiu com Nicolas Cesar, colocando fogo no final da partida. E não deu outra, aos 16’23 depois de muita pressão o São Bernardo chegou ao empate com Kleytinho, faltando dois minutos para o final, porém, o placar terminou empatado por 3 a 3.

Artilheiro da partida com dois gols, Felipe, do Metropolitano, lamentou o empate e exaltou a evolução da equipe: “O empenho da equipe foi boa, mas poderia ser melhor, deixamos muito a bola com o adversário, mas se defendemos bem. Aquela derrota na primeira rodada foi horrível, agora vamos buscar vencer os próximos jogos.” concluiu.

Vila São Jorge 10 x 1 Phoenix/VP

Na sequência Vila São Jorge Futsal e Phoenix/Vila Progresso entraram em quadra, e desde o início pôde ver o entrosamento evidente do Vila São Jorge, que mostrou mais qualidade e logo no primeiro minuto abriu o placar com Tuta. E não demorou muito para a equipe ampliar, aos 2’06 Soninho mostrou qualidade para marcar o segundo.

Com 7’35 no relógio, a equipe santista, com mais entrosamento fez terceiro com Guilherme, fazendo a equipe do São Jorge ficar tranquila na partida. Numa falta bem cobrada Roxo ampliou, era o quarto gol do São Jorge. Apresentando um grande volume de jogo, o Vila marcou mais um com Tuta e saiu para o intervalo com uma enorme vantagem no marcador.

E na segunda etapa não demorou muito para o Vila São Jorge continuar seu show, aos 1’59 Gustavo marcou o sexto gol do time. Foi então que o Phoenix resolveu se arriscar mais no ataque, e aos 5’45 num contra-ataque armado João Victor diminuiu o placar, colocando um pouco de esperança para a agremiação. Entretanto, muito superior em quadra, o Vila aproveitou a falta de entrosamento e apatia do Phoenix para marcar o sétimo gol com Guilherme, o segundo gol do jogador na partida. E segundos depois marcou o oitavo com Diego depois de uma bola perdida por parte da Phoenix que estava com seu goleiro linha fora do gol. O nono gol saiu aos 17’41 e foi numa saída errada do Phoenix, Alisson Silva acabou chutando a bola para o próprio tento da equipe. Menos de dois minutos depois, num tiro livre direto Baiano marcou o décimo e fechou o placar com mais uma goleada do Vila São Jorge, que têm a incrível marca de 17 gols em 2 jogos na competição.

O técnico André do Vila São Jorge elogiou mais uma ótima atuação de sua equipe: “Partida boa para testar algumas peças, estar rodando o grupo todo e nós sabemos que a primeira fase é mais tranquila, e depois que afunilar e está preparada para buscar o tetra campeonato da Lidesan.”, contou o comandante.

Favela da Santista F.C. 3 x 1 Galatassarada

A última partida do dia foi entre Favela da Santista Futebol Clube e Galatassarada, partida essa que começou com um volume maior para a equipe do Favela que sufocou o Galassarada na sua quadra de defesa e propôs poucas chances para a equipe do Guarujá.

E a pressão inicial surtiu efeito, quando aos 9’45 Sniff, numa boa jogada individual, abriu o placar para a equipe do bairro do Macuco, de Santos. O time santista continuou apertando, até que aos 12’40, numa excelente jogada, Robinho costurou a defesa do Galatassarada e só deixou para Felipe Vaz ampliar o marcador.

No segundo tempo o Gala não teve outra opção e foi com tudo para cima em busca do empate, e depois de um lançamento, Adriano Silva dominou e só tirou do goleiro Kléber, diminuindo o placar. O jogo então tomou ares de tensão no final, onde as duas equipes se lançaram ao ataque. Até que aos 18’24 num contra-ataque Barreto bateu na saída do goleiro Gleidson e marcar o terceiro do Favela e fechar o placar em 3 a 1.

Camisa 10 do Favela da Santista, Sniff exaltou a boa partida da equipe e se mostrou empolgado para as próximas rodadas: “O time fez uma boa partida, segunda vitória consecutiva no campeonato. Tem que melhorar a marcação, é normal pela falta de treino, o calor de hoje também atrapalhou um pouco o nosso time, deu para trabalhar bem a bola. É bom começar com dois resultados positivos, mas a pegada não pode cair, nós queremos buscar o título este ano, quem quer ser campeão não pode abaixar a cabeça.” concluiu o atleta.

A terceira rodada da Copa Lidesan de Futsal começa na próxima segunda-feira (19) com uma partida, uma partida na terça-feira e outra na quarta-feira, confira abaixo os próximos jogos da competição:

Terceira rodada da Copa Lidesan de Futsal

19/2/2018 – (CFT Barata/Jabaquara)

22h – RB7 Futsal x Clube 2004/Gremetal/Sindipetro

20/2/2018 – (CFT Barata/Jabaquara)

22h – Favela da Santista F.C. x Phoenix/Vila Progresso

21/2/2018 – (CFT Barata/Jabaquara)

22h – Vila São Jorge Futsal x São Bernardo/MSB

Grupo B nos embalos de sexta à noite pela Copa Lidesan de Futsal.

Com destaque para o RB7 que estreou com o pé direto e os goleiros do Rinaldi F.C e E.C Nova União

Rafael Nunes

Ontem (16), foi dado o pontapé para a segunda rodada da Copa Lidesan de Futsal. Os jogos aconteceram no Centro de Treinamento Barata Futsal (Avenida Francisco Ferreira Canto, 351 – Caneleira, em Santos), todos válidos pelo Grupo B do torneiro. Confira a seguir o que rolou de melhor.

RB7 9×2 Razão de Viver

Nem o torcedor mais otimista do RB7 esperava uma estreia dessas. A equipe venceu e convenceu por 9 a 2 frente ao Razão de Viver na abertura da segunda rodada. O destaque do jogo ficou por conta do camisa 8, Vitor Santos, autor de três gols e duas assistências.

Após estar perdendo por dois a um no intervalo, o time treinado por Rafael Corrêa se ajeitou, explorou os lados e com uma atuação avassaladora, conseguiu fazer um amplo placar na segunda etapa.

Inclusive, o técnico da equipe destacou o coletivo e rasgou elogios à seu camisa 8. “O Vitor é um cara muito importante para nós, esteve inativo por um tempo, é batalhador e merecedor de tudo isso”, frisa Rafael.

Rinaldi F.C 5×4 Clube 2004

A partida seguinte ficou por conta das agremiações Rinaldi F.C x Clube 2004, que fizeram um jogo corrido, porém truncado durante o primeiro tempo, com muitas infrações e equilíbrio no placar com um gol para cada lado.

Já na segunda etapa, as equipes voltaram e proporcionaram muitas emoções para as suas torcidas com gols e muitos lances de perigo. Entretanto, quem levou a melhor foi o Rinaldi F.C, que deixou pra trás o empate com sabor de derrota na primeira rodada e conquistou os três pontos com uma vitória por 5 a 4.

Inspirado, o goleiro Eduardo fez ao menos, cinco defesas difíceis, sendo fundamental para o triunfo. Ele diz que a mudança do comportamento de todo o time foi essencial na conquista do objetivo. “A nossa concentração durante os 40 minutos, aliada à união de todo o grupo foi um enorme diferencial. Deixamos os erros pra trás e encontramos os acertos e daqui em diante a evolução será constante”, argumenta o arqueiro.

Já para o lado do Clube 2004, a esperança de melhora no campeonato está nos pés de Felipinho. Autor de três gols – o último sendo um golaço, o camisa 10 afirma que a falta de entrosamento prejudicou o coletivo. “Eles estão no segundo jogo e nós começamos a competição agora, é normal que não estejamos tão entrosados, porém, conforme os jogos forem acontecendo, nós ficaremos cada vez mais afinados na quadra.”

E.C Nova União 5×1 Vila Santista F.C

Encerrando a sexta de jogos o E.C Nova União mediu forças com a Vila Santista F.C, e fizeram um jogo cheio de emoções, do início ao fim, com poucas faltas e diversas chances claras de gols. Destaque para as defesas, rodagem das equipes durante toda a partida.

Entretanto, quem teve mais oportunismo e faro de gol, levou os três pontos para casa no segundo tempo. Melhor para o Nova União, que, com gols de Alexandre, Diogo, Pedro Lopes e dois do goleiro, Bruno, venceu o encontro por 5 a 1 e o tricampeão da Copa Lidesan termina a segunda rodada do Grupo B como líder isolado.

Para o goleiro, destaque no confronto, o time está no caminho certo para chegar às próximas fases da competição. “A gente ganhou muita confiança desde a última edição da copa quando fomos vice-campeões. Estamos sempre pensando jogo após jogo e conquistar os pontos necessários para nos classificarmos o mais rápido possível”, comenta o Bruno.

Apesar do Vila Santista ter perdido por um placar considerado elevado, o time fez uma boa partida, mas foi infeliz na conclusão das jogadas. O técnico Rogério Gomes enaltece o comportamento do time em campo e o embate frente ao adversário. “Mesmo com a derrota, o time se portou bem e criou oportunidades e para nós, é uma honra jogar contra uma equipe de qualidade como é o Nova União”, frisa o comandante.

A segunda rodada da Copa Lidesan de Futsal termina hoje com os três jogos do Grupo A. Os confrontos começam as 14 horas no CT Barata Futsal com A.R. Metropolitano x São Bernardo, seguindo para as emoções de Vila São Jorge Futsal e Phoenix/V.P., às 14h50 e fechando com Favela da Santista e Galatasarrada, às 15h50. A entrada é franca.

Confira a Classificação:

 

Grupo B

1) Nova União (6 pontos, em 2 jogos);

2) Rinaldi (4 pontos, em 2 jogos);

3) RB7 (3 pontos, em 1 jogo);

4) Vila Santista (1 ponto, em 2 jogos);

5) Clube 2004/GREMETAL/SINDIPETRO  (0 ponto, em 1 jogo);

6) Razão de Viver (0 ponto, em 2 jogos).

Abertura da segunda rodada da Copa Lidesan é atração hoje (16) na Caneleira.

Três jogos – todos pelo Grupo B ocorrem a partir das 19h30 no CT Barata Futsal. A entrada é gratuita

 

Após as festividades de carnaval, a Copa Lidesan de Futsal volta com tudo nesta sexta-feira (16). Os jogos de hoje são válidos pelo Grupo B da competição que serão realizados no Centro de Treinamento Barata Futsal (Avenida Francisco Ferreira Canto, 351 – Caneleira) a partir das 19h30. A entrada é franca.

A primeira partida envolve dois times que buscam seus primeiros três pontos na competição: O RB7, que dá o seu pontapé inicial nesta edição e a agremiação do Razão de Viver, que sofreu uma virada já ao final da partida, perdendo o jogo por 4 a 2 para o Esporte Clube Nova União.

Logo em seguida, 20h30, as emoções ficam por conta do jogo entre Rinaldi F.C. x Clube 2004/Gremetal/Sindipetro. O primeiro vem embalado pelo empate emocionante, mas com sabor de derrota por 4 a 4 frente à Vila São Santista F.C, isso porque a equipe estava ganhando o jogo por três gols de diferença até a metade da segunda etapa. Já o Gremetal, estreia hoje na competição.

E para finalizar a noite de jogos, às 21h30, E.C. Nova União x Vila São Santista F.C. se enfrentam para quem sabe, definir os líderes do Grupo B ao final desta segunda rodada. O favoritismo fica por conta do Nova União que ganhou por 4 a 2 de virada na última sexta, porém, o Vila têm como motivação a reação durante a sua partida na semana passada.

O encerramento da segunda rodada da Copa Lidesan de Futsal acontece amanhã (17) no mesmo local com os jogos do Grupo A. Jogam A.R. Metropolitano x São Bernardo às 14h00, seguindo para as emoções de Vila São Jorge Futsal e Phoenix/V.P., às 14h50, fechando com Favela da Santista e Galatasarrada, às 15h50.

 Confira a classificação:

 Grupo A

Pos

Clube

Pts

J

V

E

D

GP

GC

SD

1

Vila São Jorge

3

1

1

0

0

7

1

6

2

Galatassarada

3

1

1

0

0

3

1

2

3

Favela

3

1

1

0

0

2

0

2

4

Phoenix/VP

0

1

0

0

1

1

3

-2

5

São Bernardo

0

1

0

0

1

0

2

-2

6

Metropolitano

0

1

0

0

1

1

7

-6

Grupo B

Pos

Clube

Pts

J

V

E

D

GP

GC

SD

1

Nova União

3

1

1

0

0

4

2

2

2

Rinaldi

1

1

0

1

0

4

4

0

2

Vila Santista

1

1

0

1

0

4

4

0

4

2004/GREMETAL/SINDIPETRO

0

0

0

0

0

0

0

0

4

RB7

0

0

0

0

0

0

0

0

6

Razão de Viver

0

1

0

0

1

2

4

-2

Cinco jogos agitarem a abertura da Copa Lidesan de Futsal.

Matheus Catira

E foi dada a largada na Copa Lidesan de Futsal 2018, com goleada, virada, jogos equilibrados e quentes na primeira semana da competição. Os jogos da primeira rodada foram realizados no ginásio do CFT Barata/Jabaquara, no bairro da Caneleira, em Santos, e contou com uma partida na terça-feira (6), uma na quarta-feira (7) e três na sexta-feira (9) de carnaval.

A abertura do torneio foi com uma volta arrasadora do tri-campeão Vila São Jorge Futsal, que esteve ausente na edição de 2017, e estreou diante da Associação Recreativa Metropolitano, de Praia Grande. O Vila não tomou conhecimento e aplicou uma impiedosa goleada por 7 a 1, o destaque da partida foi Tuta, autor do primeiro e quinto gol da equipe santista.

Na quarta-feira (7), emoção não faltou para Esporte Clube Nova União e Razão de Viver, depois de estar perdendo por dois gols de diferença, o Nova União conseguiu o empate ainda no primeiro tempo, porém, só conseguiu a virada faltando cinco minutos para o fim da partida. O destaque da partida foi Pedro Lopes, do Nova União, autor de dois gols que foram importantes para a vitória.

Já na sexta-feira (9) foi o dia cheio com três partidas, começou com um grande jogo entre Vila São Santista Futebol Clube e Rinaldi Futebol Clube, primeiro tempo da partida foi com um certo domínio do Rinaldi, que não demorou muito para abrir uma boa vantagem, e saiu para o intervalo com um placar elástico por 4 a 1. Na segunda etapa o jogo ficou mais truncado, cheio de faltas, e aparentemente controlado pelo Rinaldi que usava o relógio ao seu favor, entretanto, faltando cinco minuto para o fim, o Vila Santista diminuiu o placar, botando fogo no final da partida.

E não deu outra, com três minutos para o fim o Vila marcou o terceiro, e um minuto depois fez o gol de empate, para a festa de jogadores e comissão técnica. Para o técnico Mário Sérgio, o empate teve gosto de vitória, “No segundo a gente melhorou muito, conseguimos empatar, não era o que nós queríamos, mas conseguimos sair com um ponto daqui, até no lucro, pelo primeiro tempo que fizemos.”, concluiu o treinador do Vila.

Já pelo lado do Rinaldi, o técnico Evandro Peres afirmou que a falta de entrosamento foi determinante para o resultado final, “É um processo novo, montamos um novo elenco para este campeonato, mas faz parte do jogo, para a próxima partida já vai dar tempo para treinar e não vai ocorrer nada disso”.

Na sequência o Favela da Santista Futebol Clube venceu o São Bernardo/MSB pelo placar de 2 a 0, numa partida bem controlada do inicio ao fim. As duas equipes apresentaram falta de ritmo, talvez este o motivo da partida com muito toque de bola e com poucas chances de gols. Robinho e Baiano foram os responsáveis pelos gols que deram a vitória para o time do bairro do Macuco, em Santos.

Mesmo com a vitória, o técnico Rodrigo Pereira contou que a equipe tem muito a melhorar na competição, “A gente precisa acertar a saída de bola, estamos deixando muito isolado a bola no pivô e acaba não aproximando para jogar, o nosso trabalho está muito ruim de ala a ala, precisamos ter um padrão de poder se aproximar, dar um tapa, fazer tabela. Mas a equipe está muito bem, os problemas serão trabalhados aos poucos, ainda tem muito campeonato pela frente, o importante é começar com os três pontos e isso dá uma moral para a nossa equipe”.

O comandante do São Bernardo gostou da estreia mesmo com a derrota, “O time não foi tão ruim, foi bem, tivemos um bom volume de jogo, conseguimos igualar em relação a isso. Mas eles foram superiores, conseguimos chegar, porém, paramos no goleiro deles, eles tiveram mais oportunidades e conseguiram aproveitar”, completou Caio.

O encerramento da rodada foi entre Galatassarada e Phoenix/Vila Progresso, com vitória consistente do Galatassarada por 3 a 1, numa partida com domínio quase completo da equipe do Guarujá, com inúmeras chances de ampliar, e só não marcou graças a trave e ao goleiro Agno Alves que livrou o time da Phoenix de uma goleada.

O entrosamento da equipe logo na primeira rodada foi o destaque de Tiago, técnico do Galatassarada, “Conseguimos controlar a partida inteira, só no final que o adversário usou o goleiro linha que atrapalhou a nossa equipe. Mas o time está bem, está bem entrosado, está tentando dar o máximo para conseguirmos a classificação com mais tranquilidade”.

Já Alison Silva, atleta da Phoenix, culpou a falta de ritmo para resumir o resultado adverso na estreia. “A partida foi boa, a equipe fez um grande jogo, o que faltou foi encaixe, não tivemos muito tempo de treinamento. Mas estamos começando agora, melhoramos no decorrer do jogo e isso é animador para conseguirmos as vitórias nas próximas rodadas”, afirmou Alison.

A segunda rodada da Copa Lidesan será no próximo dia 16 de fevereiro com três jogos, as outras partidas ainda serão divulgadas pela Liga em breve

Resultados da 1ª rodada da Copa Lidesan de Futsal 2018:

6/2/2018 (C.T. Barata Futsal)

22h00 – Vila São Jorge Futsal 7 x 1 A.R. Metropolitano

7/2/2018 (C.T. Barata Futsal)

22h00 – E.C. Nova União 4 x 2 Razão de Viver

9/2/2018 (C.T. Barata Futsal)

19h40 – Vila São Santista F.C. 4 x 4 Rinaldi F.C.

20h30 – Favela da Santista F.C. 2 x 0 São Bernardo/MSB

21h30 – Galatassarada 3 x 1 Phoenix/Vila Progresso

2ª rodada

16/2/2018 (C.T. Barata Futsal)

19h30 – RB7 Futsal x Razão de Viver

20h30 – Rinaldi F.C. x Clube 2004/Gremetal/Sindipetro

21h30 – E.C. Nova União x Vila São Santista F.C.

Copa Lidesan de Futsal se inicia nesta terça-feira (06)

Conhecida como a “Libertadores do Futsal” na região, a competição reunirá times de Santos, Guarujá e Praia Grande

Hoje, a partir das 22 horas, será dado o pontapé inicial às competições da Liga na temporada. No ginásio do Jabaquara (Av. Francisco Ferreira Canto, 351 – São Jorge Santos), o Vila São Jorge, atual campeão,
mede forças contra o Metropolitano,
de Praia Grande em jogo válido pela oitava edição da Copa Lidesan de Futsal.

Conhecida como a “Libertadores do Futsal” na Baixada Santista pela entrega das agremiações ao longo de todas as partidas disputadas, a Copa Lidesan conta com 12 participantes, sendo dividida em dois grupos com seis times cada que se enfrentam entre si. Os quatro primeiros colocados de cada lado passam para as quartas de final. Além do atual vencedor, o Nova União E.C será cabeça de chave. Já o Cruzeiro, vice-campeão na última edição, não disputará a competição.

Segundo o presidente da Lidesan, José Roberto Oliveira, a expectativa é que haja uma evolução técnica devido ao investimento das equipes na contratação de atletas e das melhorias feitas pela entidade com relação ao número de times participantes.

“A nossa luta é eterna para que possamos a cada ano melhorar a competição. Esse ano estamos limitando a participação de 12 equipes em todas as competições da Lidesan, com isso o nível das equipes fica mais alto e com a participações de grandes nomes da região do futsal”, argumenta o dirigente.

Todos os jogos desta primeira rodada serão realizados no Ginásio do Jabaquara nos seguintes dias: Hoje – partida de abertura, amanhã (07) – um confronto, e na próxima sexta-feira (09) com outros três encontros. Em seguida, será realizada uma pausa durante o carnaval, voltando com a segunda rodada após o dia 15 deste mês.

Confira os grupos e confrontos desta primeira rodada:

*Grupo A*
Vila São Jorge Futsal
A.R. Metropolitano
Favela da Santista F.C.
Phoenix/Vila Progresso
São Bernardo/MSB
Galatassarada

*Grupo B*
E.C. Nova União
RB7
Razão de Viver
Vila São Santista F.C.
Rinaldi F.C.
Clube 2004/Gremetal/Sindipetro

1° rodada (Local: Jabaquara)

Vila São Jorge x Metropolitano – 06/02 (ter) – 22h

Nova União x Razão de Viver – 07/02 (qua) – 22h

Vila Santista x Rinaldi – 09/02 (sex) – 19h40

Favela Santista x São Bernardo – 09/02 (sex) – 20h30

Galatassarada x Phoenix/VP – 09/02 (sex) – 21h30

Copa Lidesan de Futsal tem seus grupos sorteados

Matheus Catira

Foi realizado na última quarta (31), o sorteio da Copa LIDESAN de Futsal 2018, o torneio contará com 12 equipes, adotando o “Projeto Fidelidade”, onde somente esses 12 times poderão participar das copas futuras. O torneio terá início na próxima terça-feira (6), a abertura será com um grande clássico entre Vila São Jorge e Metropolitano, às 22h, na quadra do Jabaquara.

O sorteio começou com o presidente da liga, José Roberto, lendo o regulamento da competição. E em conjunto com todos os representantes dos times, foi acrescentado que o atleta precisa atuar, no mínimo, uma partida para jogar as semifinais e finais da competição.

Depois da leitura do regulamento, o sorteio começou com cada um dos representantes tirando os papéis, selando assim o destino das equipes na copa. Vila São Jorge (campeão em 2017) e Nova União (3º colocado em 2017) foram os cabeças de chave, o Cruzeiro (vice-campeão em 2017) não disputará a edição de 2018. Além da quadra do Jabaquara, a Copa LIDESAN 2018 ocorrerá também na Arena Santos, em Santos, e no ginásio do Dondinho, em São Vicente.

Grupos da Copa LIDESAN de Futsal 2018:

Grupo A

Vila São Jorge Futsal

A.R. Metropolitano

Favela da Santista F.C.

Phoenix/Vila Progresso

São Bernardo/MSB

Galatassarada

Grupo B

E.C. Nova União

RB7

Razão de Viver

Vila São Santista F.C.

Rinaldi F.C.

Clube 2004/Gremetal/Sindipetro

1° rodada (Local: Jabaquara)

Grupo A

Vila São Jorge x Metropolitano – 06/02 (ter) – 22h

Grupo B

Nova União x Razão de Viver – 07/02 (qua) – 22h

Vila Santista x Rinaldi – 09/02 (sex) – 19h40

Favela Santista x São Bernardo – 09/02 (sex) – 20h30

Galatassarada x Phoenix/VP – 09/02 (ex) – 21h30

Copa Lidesan categoria Principal terá Congresso Técnico nesta quarta feira.

Depois de uma final memorável entre Cruzeiro e Nova União a Lidesan prepara a Copa Lidesan com a participação limitada de 12 equipes, adotando o “Projeto Fidelidade”, onde somente essas 12 equipes poderão participar das próximas Copas, caso haja desistência poderão haver novas inscrições, por ordem cronológica da fila de espera.  Essa proposta foi feita pela diretoria da Lidesan e colocada em prática já no primeiro evento de 2018, a partir de agora as equipes que participarão da Lidesan, serão as convidadas, com isso haverá uma competição mais organizada e com maior credibilidade.

Com o encerramento das inscrições em 25 de janeiro as 12 equipes confirmadas foram:

Clube 2004/Gremetal/Sindipetro – Rinaldi F.C. – Vila São Santista F.C. – Favela da Santista F.C. – A.R. Metropolitano – E.C. Nova União –

Vila São Jorge Futsal – São Bernardo/MSB – Galatassarada – Razão de Viver – RB7 e Phoenix/Vila Progresso.

A procura por uma vaga ainda deixou quatro equipes de fora, já que a proposta da Lidesan é que daqui para frente as competições contem com 12 equipes, para que sejam divididos em dois grupos com seis equipes cada, havendo cinco jogos na primeira fase, dando oportunidade as equipes de uma recuperação para classificação, já que irão se classificar quatro equipes em cada grupo, ficando apenas duas equipes de fora da segunda fase.

O Congresso será dia 31 de janeiro, quarta-feira, na loja da PZ10 Sports, na Avenida Senador Pinheiro Machado nº 508, próximo ao Curvão no canal 1, a partir das 19h30.

 

Cruzeiro é Campeão Santista de forma invicta !

O Cruzeiro conquista um título após três vice campeonatos, na principal competição da baixada santista (Campeonato Santista Série “A”) e de forma invicta, mostrando a força da equipe. O palco foi mais uma vez a Arena Santos com a presença de mais de 2.000 pessoas, a baixada santista parou para assistir a essa final que levou a quadra duas equipes que tem um elenco de grandes jogadores e muita tradição, de um lado o Nova União que tem na bagagem três títulos na Lidesan e do outro o Cruzeiro que chegou nas quatro finais em que disputou na Lidesan, faltava o título, e ele veio após empate de 2 a 2 no tempo normal e fazer 3 a 2 nas penalidades.

O JOGO

O Cruzeiro perdeu de ultima hora o seu principal jogador, o capitão Vitinho, que foi jogar em Portugal, mas isso não abalou a equipe que teve no seu lugar Barreto, outro atleta experiente e com passagens por equipes profissionais do futebol. Do lado do Nova União a equipe estava completa e a partida na sua primeira etapa acabou sendo uma partida de poucos lances de gols e de muito estudo por parte das duas equipes, um erro poderia ser fatal a ambos os lados.

Na segunda etapa as duas equipes vieram dispostos a definir o placar no tempo normal e numa jogada aos 10’39, Pedrinho conseguiu se livrar da marcação e tocou para Luquinhas que balançou as redes adversária, fazendo o 1º gol do Nova União.

Com o placar adverso o Cruzeiro resolveu ir com tudo para cima do Nova União e num contra ataque Luquinhas recebeu a bola e com muita categoria tocou por cima na saída do goleiro Jhonny (que entrou no lugar do goleiro Michel), placar 2 a 0 para o Nova União. A torcida União Chopp fez a festa.

Após sofrer o segundo gol o técnico Nido, decidiu arriscar e passou a usar o camisa 12 Evandro como goleiro linha, com alto volume de ataque o Cruzeiro passou a criar chances, que paravam no goleiro Bruno. O tempo estava passando e a torcida do Cruzeiro passou a cobrar cada vez mais os seus atletas, em jogada iniciada por Evandro, Aleixo finalizou sem chances para Bruno, era o inicio da recuperação do Cruzeiro.

Com apenas um minuto para o fim da partida, o brilhantismo do camisa 33 do Cruzeiro fez toda a diferença, com um belo chute de média distância conseguiu vencer o goleiro Bruno e levar a torcida do Morro São Bento ao delírio, empatando a partida, que seria decidida nas penalidades.

 

PENALIDADES 

O Nova União deu inicio as cobranças, Diogo Padron bateu forte no canto direito do goleiro Mychel que não conseguiu evitar o gol. Felipinho bateu o primeiro do Cruzeiro, com um chute forte por pouco Mota não parou o craque do Cruzeiro, bola no fundo da rede, disputada empatada. O camisa 10 Pedrinho foi pra segunda cobrança e errou, a bola bateu nas duas traves e voltou nas mãos do goleiro Jhonny. Pedro Lopes, bateu sem chances para Bruno, Cruzeiro na Frente 2 a 1. Luquinhas foi para ultima cobrança do Nova União, com muita categoria e calma, marcou empatando a disputa. A ultima bola ficou para Evandro, que soltou o pé sem chances para o goleiro Mota, explodindo as arquibancadas da Arena Santos.

A Direção da  Lidesan parabeniza todos os participantes do Campeonato Santista Série ”A”, em especial aos finalistas Cruzeiro Campeão e ao  Nova União Vice Campeão, que proporcionaram um grande espetáculo na Arena Santos com casa cheia, sem qualquer conflito dentro e fora de quadra, mostrando que esse é o futsal verdadeiro, que vem sendo resgatado.

 

As inscrições para a VIIIª Copa Lidesan/Principal estão encerradas.

As inscrições para a VIIIª Copa Lidesan de Futsal, categoria principal, se encerraram no último dia 25 de janeiro de 2018. A competição chega a sua oitava edição e como nas edições anteriores a expectativa é muito grande.

A premiação desta competição chegará num total de R$4.000,00, sendo:

Campeão: R$1.000,00 (em dinheiro) + um jogo de camisa completo no valor de R$1.300,00 + mais um troféu e 25 medalhas no valor de R$650,00

Vice-Campeão: R$ 500,00 (em dinheiro) + mais um troféu e 25 medalhas no valor de R$550,00.

Alem destas premiações a Lidesan montou uma equipe de assessoria de imprensa, onde teremos entrevista com atletas, filmagens e matérias dos jogos e a retomada da TV Lidesan, com entrevistas e um programa voltado aos eventos da Lidesan, tudo isso sem custo algum aos clubes participantes, esse era um sonho antigo do presidente da Lidesan, que concretizou essa parceria nesta última quinta-feira. A nova equipe será apresentada na próxima segunda feira, aguardem.

A Lidesan limitou a participação de 12 (doze) equipes, implantado o “Projeto Fidelidade”, esse número foi atingido nesta última terça-feira. A diretoria da Lidesan está adotando um novo sistema chamado de “Fidelidade”, onde as 12 (doze) equipes participarão da Copa Lidesan e terão a preferência nas demais Copas. Para que uma nova equipe venha participar, uma dessas 12 (doze) equipes terá que desistir de alguma competição, haverá uma lista de espera para que possam virem a  participarem, lembrando que o Campeonato Santista Série “A”, não entra neste projeto de “Fidelidade”, que as equipes garantidas, são as mesmas que participaram do Santista de 2017, com as duas equipes que subiram da Série “B”, Fronteira e São Bernardo.

O Congresso Técnico será no dia 31 de janeiro a partir das 19h30. A competição terá seu início previsto para 6 de fevereiro de 2018.